Contratar um funcionário é uma escolha muito importante. O novo colaborador precisa se envolver diretamente com os objetivos da loja e, assim, ajudar no crescimento e na expansão do negócio.

Para ajudar você nessa questão, trouxemos neste artigo algumas dicas de como escolher um funcionário da melhor forma possível. Para isso, é necessário levar em consideração algumas características e critérios, montar um bom processo de recrutamento e seleção, dentre outras variáveis. Acompanhe mais informações a seguir!

1. Determine as características do cargo

Para atrair as pessoas certas, você tem que ser bastante honesto na hora de descrever o cargo, a remuneração, a carga horária, os benefícios, os diferenciais para contratação e outros aspectos que sejam relevantes para o seu negócio. Por exemplo, você pode determinar que é importante contratar alguém que tenha experiência no ramo.

Ao esclarecer bem os requisitos ao candidato, fica mais fácil atrair pessoas que realmente estejam interessadas na vaga e na empresa. Isso economiza tempo e já ajuda na seleção de colaboradores mais adequados.

2. Escolha a forma de recrutamento

Depois de ter o documento sobre o cargo em mãos, é hora de começar a recrutar, ou seja, listar as pessoas que se interessam pela vaga e que se adequam aos requisitos. Você pode utilizar as redes sociais para divulgar a vaga sem precisar gastar com isso ou pode contratar uma empresa especializada que faça essa etapa da contratação.

3. Defina como será o processo de seleção

Há diversos tipos de processo de seleção. É nessa etapa que você tem que escolher o colaborador e, por isso, ela é de extrema importância e precisa ser muito bem analisada. Algumas empresas terceirizam esse procedimento para instituições especializadas que têm psicólogos, neurocientistas e outros profissionais que podem ajudar a selecionar a melhor opção.

A seleção pode ser feita por meio de uma entrevista, de um teste psicológico ou de personalidade e por outras etapas que você achar interessante. Por exemplo, se a vaga é para um cargo de gerência, é preciso descobrir se aquela pessoa é capaz de tomar decisões importantes mesmo sob pressão.

4. Veja além dos estereótipos

Infelizmente, a nossa mente está condicionada a identificar algumas características como boas e outras como ruins independentemente do contexto. Esse tipo de pensamento pode fazer com que você perca um colaborador que pode trazer ideias inovadoras e melhorar consideravelmente o funcionamento da sua empresa.

Por exemplo, espera-se que uma pessoa apareça em uma entrevista de emprego muito bem vestida e com roupa social, mas algumas delas preferem não abandonar o próprio estilo e conforto para conseguir uma vaga de trabalho. Isso não deve ser visto como um problema, mas sim como um ponto positivo que pode ser utilizado a favor da empresa em algum momento.

O mesmo vale, por exemplo, para tatuagens. Normalmente, há um grande preconceito com pessoas que têm tatuagem, especialmente em ambientes de trabalho mais formais. Porém, a realidade atual é outra. Hoje em dia, até mesmo concursos para polícia aceitam pessoas tatuadas. Portanto, tente ir além das aparências.

5. Faça uma análise do comportamento do candidato

Essa é uma etapa da seleção que é muito importante. É preciso descobrir se o candidato é alinhado aos valores e à cultura da empresa. Quais as opiniões dele sobre assuntos relevantes para o seu empreendimento? Além disso, ele consegue trabalhar em equipe? Investigar tópicos como esses é muito importante.

Com as dicas que acabamos de dar, fica mais fácil compreender como escolher um funcionário para a sua empresa. O mais importante é ter total organização e controle do processo, ainda que ele seja feito de forma terceirizada. Participe de cada etapa para assegurar que o novo colaborador seja realmente aquilo que você espera.

Quais outros pontos você acha importante na hora de contratar um novo colaborador? Compartilhe sua opinião nos comentários abaixo!

ACP

ACP

ACP: há 129 anos conectando o comércio, a indústria e os serviços.